O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, enalteceu, ao fim da tarde de ontem, a resiliência dos meios de comunicação regionais durante a sua visita à redação do jornal labor que completa hoje, dia 1 de abril, 33 anos dedicados à informação.

Uma das jornalistas teve a ousadia de convidar Marcelo Rebelo de Sousa a estar presente na véspera deste dia especial para toda a redação do semanário de S. João da Madeira, tendo a plena consciência do grau da importância do seu pedido comparativamente com os que constam na agenda do Chefe de Estado.

Já dizia Fernando Pessoa que “tudo vale a pena quando a alma não é pequena”. E de facto valeu. É caso para afirmar que tanto a alma da nossa equipa como a do Presidente da República estão longe de ser pequenas.

Ao encontrar espaço na sua agenda para dar uma palavra de apoio, conforto e motivação ao jornal labor, Marcelo Rebelo de Sousa provou que é o presidente de todos os portugueses. São estes pequenos pormenores que o tornam naquele que deverá ser recordado como Chefe de Estado mais próximo das pessoas na história da democracia portuguesa.

DR

Em declarações exclusivas ao labor, Marcelo Rebelo de Sousa destacou a importância de órgãos de comunicação social como o labor no preservar da história das pessoas e dos acontecimentos da região.

O Presidente da República também sublinhou o papel de pessoas como o nosso diretor Pedro Silva por continuar a apostar num projeto, fortemente afetado pela pandemia de Covid-19 que tem levado a enormes quebras publicitárias, quando o mais fácil seria desistir. O Chefe de Estado deixou ainda uma palavra dedicada à equipa que todas as semanas se reinventa para fazer um jornal digno de ser lido por todos os leitores e sobretudo pelos assinantes que são fundamentais para a existência do labor.

Neste novo capítulo da história do jornal labor fica a memória da visita e da fotografia com Marcelo Rebelo de Sousa. Depois de vencermos este vírus, o Presidente da República prometeu fazer-nos uma nova visita com direito a um repasto cheio de pessoas, histórias e, acima de tudo, muitos afetos.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here