Está previsto um “reforço de homens” para acelerar a obra

Mercado Municipal

0
198
Foto de Arquivo Labor

Foi Paulo Cavaleiro quem trouxe o assunto à baila. O vereador da coligação PSD/CDS-PP pediu ao presidente da câmara para lhe fazer um ponto de situação da obra de reabilitação do Mercado Municipal de S. João da Madeira.
“As pessoas estão preocupadas porque veem que a obra não está a ter o desenvolvimento que seria esperado”, disse o social-democrata, dando nota ainda que no passado fim de semana a circulação automóvel nas imediações complicou-se devido aos trabalhos que também estão a decorrer na Avenida Engº Arantes e Oliveira. “Talvez a câmara tenha de optar por abrir [de novo] o trânsito em frente ao  Mercado”, sugeriu.
Jorge Sequeira não se pronunciou sobre esta última situação, falando apenas da empreitada em curso. Segundo o autarca, “era desejável que o ritmo fosse mais acelerado”, mas “algumas vicissitudes ligadas à Covid” impediram que assim fosse.
“Vicissitudes à parte”, está agora previsto para o próximo mês de maio “um reforço de homens na empreitada para aumentar o ritmo da sua execução”, avançou o líder do executivo, pedindo ainda “a compreensão de todos” face a “todos os incómodos” causados. “Esta obra irá trazer a longo prazo inúmeras vantagens que superam os inconvenientes do momento”, concluiu.
Localizado na Avenida Dr. Renato Araújo, uma das principais artérias da cidade, o Mercado Municipal distribui-se por três pisos, apresentando uma área de cerca de 6.100 metros quadrados. A sua requalificação tem um custo de cerca de 1,5 milhões de euros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...