Filho sofreu ferimentos graves

 

Um casal morreu na colisão entre uma viatura ligeira e um camião na variante de acesso à A32 em Milheirós de Poiares.

Na viatura ligeira, juntamente com os pais, de nacionalidade venezuelana, com 35 e 51 anos, seguia o filho de sete anos que sofreu ferimentos graves e foi transportado para o Hospital de S. João no Porto.

O alerta para o acidente foi recebido às 12h17 e mobilizou um total de 10 veículos e 26 operacionais. A via esteve cortada nos dois sentidos durante várias horas. O apoio foi prestado pelos Bombeiros Voluntários de Arrifana e de S. João da Madeira, pelo INEM e pela GNR de Santa Maria da Feira. As causas do acidente são desconhecidas.

 

Coligação PSD/CDS-PP pede “melhor ação” do Governo

Entre outros assuntos, a coligação PSD/CDS-PP trouxe a público no período de antes da ordem do dia da última reunião de câmara o “acidente muito violento” que no sábado passado matou um casal e feriu gravemente o filho.

Segundo o vereador Paulo Cavaleiro, têm-lhes feito chegar a informação que neste acesso à A32 “têm acontecido vários sustos”. Daí considerarem que é necessária “uma melhor ação do Governo e da Infraestruturas de Portugal”.

Jorge Sequeira referiu que estão “a analisar o caso”. De acordo com o autarca, ele próprio já teve em tempos “intervenções públicas a solicitar” a colocação de “pinos” no eixo daquela via. Intervenção que acabou por reduzir a sinistralidade, mas que continua a ser insuficiente.

“Acho que tem de haver uma vigilância constante sobre essa matéria”, defendeu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...