Helena Resende é a nova diretora do Agrupamento Dr. Serafim Leite

0
138

Eleição renhida com apenas um voto de diferença entre a atual e a antiga diretora Anabela Brandão 

A professora Helena Resende foi eleita diretora do Agrupamento de Escolas Dr. Serafim Leite para o quadriénio 2021-2025. As professoras Anabela Brandão, antiga diretora, e Helena Resende, adjunta da antiga diretora, candidataram-se ao cargo que acabou por ser disputado de forma muito renhida ao longo de duas votações.
Na primeira reunião do Conselho Geral, destinada a eleger o diretor, realizada no dia 25 de junho, registou-se a presença de 17 dos 19 elementos, tendo o resultado da votação sido de oito votos a favor de cada uma das candidatas e um voto branco. Por essa razão, uma nova reunião teve lugar a 29 de junho, na qual se registaram 10 votos a favor de Helena Resende e nove votos a favor de Anabela Brandão.
Recorde-se que Anabela Brandão era diretora do Agrupamento de Escolas Dr. Serafim Leite há oito anos. Foi eleita pela primeira vez em 2013 e reeleita em 2017. Contactada pelo nosso jornal, Anabela Brandão não quis prestar declarações sobre o assunto.
De acordo com o comunicado enviado pelo gabinete de comunicação do agrupamento ao
labor, ao apresentar o seu projeto de intervenção, a nova diretora destacou alguns aspetos mais relevantes. “O que se pretende para o Agrupamento de Escolas Dr. Serafim Leite é que se mantenha na linha da frente das escolas inclusivas e cuja aprendizagem possa ser reconhecida como de qualidade, garantindo o acesso e o sucesso educativo a todos, sem qualquer tipo de exceção. Desta forma, o seu futuro como agrupamento considerado de Excelência pela promoção da Equidade e da Aprendizagem estará assegurado. É essencial consolidar uma cultura de agrupamento humanista, capacitadora da perpetuação dos valores do respeito pelos outros; da justiça; da educação; da solidariedade; da liberdade; da transparência, da democraticidade e da pluralidade participativa. Com vista à consecução destes objetivos, é fundamental que a sua gestão seja democrática e participada, sustentada no trabalho colaborativo de toda a comunidade educativa e num ambiente harmonioso e impulsionador do desenvolvimento dos valores e de competências que prepare os agentes educativos para os desafios e as imprevisibilidades do século XXI”.
Helena Resende iniciou funções letivas, como docente de Inglês, no ano letivo de 1993/1994, e, após prestação de serviço em várias escolas, efetivou na Escola Secundária Dr. Serafim Leite em 1999. Depois de ter sido assessora de Pedro Gual quando era o diretor e adjunta das diretoras Irene Guimarães e Anabela Brandão, Helena Resende sentiu “reunir todas as condições” para liderar, pela primeira vez, a direção do agrupamento, tal como
disse ao labor.
Do seu percurso académico fazem parte um mestrado, duas pós-graduações e frequência do Doutoramento em Ciências da Educação, bem como a participação em diversos projetos nacionais e europeus e a frequência e orientação de ações de formação.

 

DR

Ana Magda Jorge é a nova diretora do Agrupamento João da Silva Correia 

Ao fim de quatro anos, António Mota Garcia não foi reconduzido pelo Conselho Geral no cargo de diretor do Agrupamento de Escolas João da Silva Correia, tal como o labor noticiou oportunamente.
A nova diretora será a professora Ana Magda Jorge, adjunta da direção de Mota Garcia, cuja tomada de posse está marcada para o dia 15 de julho, pelas 18h30, estando limitado o número de pessoas presentes devido à pandemia de Covid-19.

 

 

Arquivo Labor

Mário Coelho reeleito diretor do Agrupamento Oliveira Júnior 

Dos três agrupamentos de escolas, apenas um manteve o mesmo diretor para o próximo ano letivo. O professor Mário Coelho foi reeleito para um novo mandato e já tomou posse no passado dia 23 de junho na escola sede do Agrupamento de Escolas Oliveira Júnior.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...