SIM Porto Salvo, 33 – AD Sanjoanense, 22

Jogo no Pavilhão Esc. Aquilino Ribeiro.

Árbitros: Pedro Sousa e André Lourenço.

SIM Porto Salvo: Maria Pereira, Ana Viveiros (5), Maria Antunes (1), Margarida Ribeiro (2), Oxana Esteves (4), Rita Califórnia (2), Maria Unjanque (4), Ana Martins, Joana Pires (6), Ana Ribeiro, Raquel Califórnia (1), Leonor Dionísio (3), Íris Gonçalves (2), Sílvia Delgado (3), Íris Sequeira, Madalena Ramos.

Treinador: Paulo Santos.

AD Sanjoanense: Suelma Soares, Beatriz Valente (1), Maria Pinho, Rita Leite (4), Maria Silva (1), Andreia Fernandes (3), Francisca Silva (1), Maria Bártolo (2), Inês Alves (2), Mariana Pinho, Mariana Barata (3), Ingrid Rodrigues (5).

Treinador: Cláudio Alves.

Ao intervalo: 23-10.

A Sanjoanense perdeu (33-22) na deslocação a Oeiras terminando a segunda fase do Campeonato Nacional da 2.ª Divisão com a terceira derrota consecutiva.

Não se esperavam facilidades para o jogo que marcou o encerramento da temporada para a equipa alvinegra que, além de defrontar o líder da Zona 2 e um dos candidatos à subida, tinha pela frente um adversário invicto, e que assim se manteve depois deste encontro.

Melhor tecnicamente, a equipa da casa começou cedo a construir a vantagem e aos poucos foi-se distanciando no marcador, chegando ao intervalo a liderar confortavelmente o resultado com 13 golos de diferença (23-10).

A vantagem permitia ao Porto Salvo encarar a segunda parte com alguma tranquilidade, mas num jogo em que a Sanjoanense não tinha nada a perder, a equipa liderada por Cláudio Alves reagiu na segunda parte e equilibrou o encontro, vencendo mesmo o parcial (10-12), mas sem conseguir colocar em causa a vitória da formação de Oeiras, que teve em Joana Pires a principal marcadora, com seis golos apontados. Do lado alvinegro destacou-se Ingrid Rodrigues com cinco.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...