Ao fim de 95 anos de Emancipação Concelhia

Ainda que decorrendo sob a declaração de situação pandémica, a sessão solene do 95º aniversário da Emancipação Concelhia de S. João da Madeira (SJM) nada teve a ver com a do último ano.

Desta vez, já foi Jorge Sequeira a presidir à cerimónia e muitas mais pessoas marcaram presença no salão nobre do Fórum Municipal. Recorde-se que em 2020 o autarca encontrava-se infetado com Covid-19, não podendo, por isso, estar presente.

Voltando a 2021, entre os convidados estavam, por exemplo, os vereadores e membros da Assembleia Municipal – os que se encontravam em funções e os na altura eleitos e que, entretanto, já tomaram posse – e ainda o novo presidente da junta de freguesia (JF), que seria empossado no dia seguinte. Quem não esteve nas comemorações foi a antecessora de Rodolfo Andrade, Helena Couto, que se fez representar por Pedro Teixeira da Silva, o então tesoureiro da JF. A sua ausência foi uma das mais notadas desta manhã festiva.

Quase que foi uma “sessão à moda antiga”, digamos assim, com direito à participação da Banda de Música de S. João da Madeira e tudo. Se bem que as máscaras nos rostos e o distanciamento social não deixaram esquecer que ainda se vive em contexto de pandemia e que todo o cuidado continua a ser pouco.

Obrigado pelo seu interesse no trabalho dos nossos profissionais. Poderá ter acesso à versão integral deste artigo na edição impressa ou no formato digital. Assine o labor aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...