Jovem de S. João da Madeira está a estudar na Áustria, numa das melhores escolas de dança a nível mundial, e quer ser coreógrafo 

 

Da aldeia de Penalva de Alva, na Serra da Estrela, de onde é natural, para a Áustria. No meio, está S. João da Madeira, onde viveu grande parte da vida até este ano.

Sem qualquer apoio institucional, apenas com a ajuda da família, Hugo Fidalgo, de 18 anos, encontra-se a estudar em Salzburgo, na SEAD – Salzburg Experimental Academy of Dance, tida como uma das melhores escolas do mundo em termos de dança contemporânea.

Na Áustria há cerca de três meses, garante que não quer voltar para Portugal a não ser para matar saudades dos seus e, claro, da gastronomia portuguesa, de longe melhor do que a austríaca. Também sente falta da hospitalidade do povo luso e – imagine-se – de ouvir falar Português. É que ali “dominam” as línguas alemã, que está a tentar aprender, e inglesa. Geralmente, fala Inglês.

O jovem bailarino vai ficar naquela cidade situada na fronteira com a Alemanha nos próximos quatro anos, até concluir o curso de dança que está a frequentar. E depois? Depois, Portugal está fora de questão. Ou melhor, talvez seja uma possibilidade, mas muito mais tarde. Talvez um dia regresse às origens, para abrir uma escola ou, então, para se candidatar a um cargo político, “já que também gosto de política”, como confidenciou ao labor.

Obrigado pelo seu interesse no trabalho dos nossos profissionais. Poderá ter acesso à versão integral deste artigo na edição impressa ou no formato digital. Assine o labor aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...