A Casa Orquídea inaugurou, no final do passado mês de novembro, a sua já tradicional exposição/venda de Natal, um acontecimento que é já uma referência na cidade. Inspirada no imaginário natalício, este ano, a mostra coincidiu com a celebração do 44º aniversário

 

Mesmo num ano que voltou a ser tão atípico como os dois últimos, a magia e os festejos tradicionais do Natal continuam a ser mais fortes e teimam em manter-se. Para muitos cristãos, é como se tratasse de uma vitória da natividade sobre o mal que esta pandemia tanto tem causado em todo o mundo. É neste espírito natalício, e com fortes esperanças que esta quadra traga a todos uma renovada alegria de viver, que a Casa Orquídea, uma das mais conceituadas floristas do país, inaugurou, no final do passado mês de novembro, a sua tradicional exposição/venda de Natal, um acontecimento que já se tornou numa referência na região. A exemplo de épocas anteriores, as decorações e figuras imaginárias que fazem parte de todo o elenco narrativo estão repletas de muito encanto. Ou seja, todas as peças estão recriadas com muita imaginação, beleza e sedução, um fator preponderante que dão à exposição atributos de qualidade, dificultando a escolha por quem lá passa e queira adquirir alguns enfeites de Natal.

Arranjos florais, secos e naturais, os indispensáveis presépios de vários estilos e cultura feitos em materiais técnicos distintos, árvores e fantasias de Natal são, entre outras maravilhas artísticas ali expostas, um regalo para todos e um ótimo local de visita.

Com a inauguração da sua exposição/venda de Natal, a Casa Orquídea aproveitou a ocasião para assinalar também a passagem do seu 44º aniversário. Fundada a 2 de novembro de 1977, e sob a gerência do casal José e Rosa Cardoso, a Casa Orquídea soube passar de um pequeno negócio de cariz familiar a uma empresa de sucesso. Vários prémios conquistados, grandes eventos, mil ideias, um momento, pequenos detalhes, apontamentos para todas as ocasiões são ingredientes que fazem da Orquídea uma casa com bastante êxito nesta área há mais de quatro décadas de existência.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...