ADRAV soma e segue

Liga Fundação Inatel - Grupo A

0
65

Carqueijo, 1 – ADRAV, 2

ADRAV: Tiago Tavares, Xavier, Beto, Miguel, Rúben, Abel (David) Márcio, Pi, Filipe (Costa), Sales (Barraca), Pombas, (Joca)

Suplentes: Bernardo Pinho, Rúben Fernandes, Vítor, Joca, David, Costa, Barraca.

Treinador: Carlitos.

O terreno pelado em casa do Carqueijo era a principal dificuldade que a ADRAV esperava encontrar no jogo da sétima jornada da Liga Fundação Inatel. Mas os locais adaptaram-se bem à condicionante e nos minutos iniciais do encontro criaram uma série de situações de perigo, chegando mesmo a estarem perto do golo quando Pombas, completamente isolado, rematou para fora.

As melhores ocasiões pertenciam aos forasteiros que acabaram, no entanto, por se ver em desvantagem depois de um remate bem colocado, à entrada da área dos locais, parar no fundo da baliza de Tiago Tavares.

A desvantagem não abalou os homens de Carlitos, que viram o trabalho facilitado quando o Carqueijo se viu reduzido a 10 elementos. A superioridade numérica fez com que a ADRAV incomodasse com frequência a defesa local, mas uma série de situações de fora de jogo foram mantendo o perigo longe da baliza visitante. A exceção verificou-se à passagem da meia hora, quando Pombas, com um remate sem hipótese de defesa para o guardião local, restabeleceu a igualdade.

Na segunda parte esperava-se uma melhor definição do jogo dos homens de S. João da Madeira, mas não foi isso que aconteceu. Carlitos ainda reagiu com uma série de substituições, mas a ADRAV manteve-se perdulária nos momentos decisivos e foi Miguel que acabou por dar tranquilidade ao apontar o segundo golo do conjunto sanjoanense.

Com este resultado a ADRAV garantiu três pontos importantes antes de uma breve paragem no campeonato, que regressa a 8 de janeiro com a receção ao Mosteirô da Feira.

Miguel foi o homem do jogo

Claramente a subir de forma, Miguel desempenhou um papel preponderante no setor mais recuado da ADRAV, revelando-se fundamental no comando da defesa e impondo segurança e autoridade na disputa dos lances. Além disso, Miguel mostrou-se sempre muito inconformado com o rumo do jogo e nas diversas vezes em que subiu no terreno para ajudar a equipa acabou por marcar e garantir a vitória da ADRAV.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...