Após a autorização, por parte do Governo, da abertura de 731 postos de trabalho no âmbito do concurso de segunda época de 2021 para médicos-especialistas no Serviço Nacional de Saúde, o Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga (CHEDV) viu ser aprovada a contratação de nove médicos. Os novos profissionais de saúde integrarão as equipas das especialidades médicas da instituição, nomeadamente de Anestesiologia, Ginecologia/Obstetrícia, Medicina Física e de Reabilitação, Medicina Intensiva, Medicina Interna, Pediatria, Psiquiatria da Infância e da Adolescência e Radiologia, conforme avança nota de imprensa remetida ao labor.

Contratação de novos profissionais vista como “uma excelente notícia”

Segundo o presidente do conselho de administração do CHEDV, “os últimos meses têm sido muito desgastantes com a necessidade de fazer acompanhar a resposta à Covid, que nunca parou de existir, com todas as restantes patologias, como é o caso dos doentes crónicos, oncológicos, entre muitos outros”. Por isso é que, para Miguel Paiva, “este reforço do quadro médico, que nos foi autorizado, é uma excelente notícia, ajudando a que consigamos cumprir esta importante missão com mais recursos”.

Atualmente, o CHEDV conta com um total de 14 especialidades médicas e nove especialidades cirúrgicas, assegurando ainda o funcionamento dos Serviços de Urgência de Oliveira de Azeméis (S. Miguel), Santa Maria da Feira (S. Sebastião) e S. João da Madeira.

Questionado pelo nosso jornal sobre se os novos médicos vão ser afetos ao Hospital de S. João da Madeira, o CHEDV não descarta a possibilidade de virem a “rodar” pelas três unidades hospitalares, incluindo a sanjoanense.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...