O mínimo que podemos fazer pelos ucranianos e pelo seu país contra a invasão insana de um ditador KGB gélido e muito perigoso, que não se importa sequer de piorar o grau de miséria do povo russo, é usar as cores da bandeira da UCRÂNIA nesta edição.

Pedro Silva

À hora em que finalizamos os textos desta semana a tomada violenta da capital da Ucrânia deve estar por horas dada a força bruta da máquina de guerra russa e apesar da coragem, valentia e heroísmo dos cidadãos que serão cada vez mais nossos amigos. É pouco, mas é o que podemos fazer enquanto órgão de informação livre. Individualmente podemos e devemos fazer mais.

Obrigado pelo seu interesse no trabalho dos nossos profissionais. Poderá ter acesso à versão integral deste artigo na edição impressa ou no formato digital. Assine o labor aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...