Câmara unânime na aprovação de voto de pesar

 

Há uma semana que a cidade acordou com a triste notícia do falecimento de Amadeu Cruz. Uma “destacada figura pública da política e do associativismo sanjoanense” que “exerceu o cargo de deputado à Assembleia República, eleito na primeira legislatura constitucional em 1976 e nas eleições legislativas intercalares em 1979 em representação do Partido Socialista”, descreve o voto de pesar apresentado pelo presidente da câmara, Jorge Sequeira, durante a reunião de executivo realizada esta segunda-feira no Fórum Municipal, ao qual se associaram os vereadores da coligação PSD/CDS-PP/IL.

O histórico militante socialista foi presidente da Comissão Política Concelhia, da Junta de Freguesia e da Assembleia Municipal de S. João da Madeira. Também foi dirigente distrital do PS.

Amadeu Cruz foi fundador da Associação do Centro de Apoio aos Idosos Sanjoanenses (ACAIS) e dirigente da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de S. João da Madeira.

Enquanto atleta de Hóquei em Patins, representou, ainda, as cores da Associação Desportiva Sanjoanense.

“O seu falecimento constitui uma grande perda para a nossa cidade”, refere o voto de pesar aprovado por unanimidade, sendo remetidas sentidas condolências à família e aos amigos de Amadeu Cruz, “uma referência incontornável da vida pública sanjoanense”. Também a equipa do jornal Labor endereça condolências à sua família.

Obrigado pelo seu interesse no trabalho dos nossos profissionais. Poderá ter acesso à versão integral deste artigo na edição impressa ou no formato digital. Assine o labor aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...