S. João da Madeira marcou presença na BTL – Bolsa de Turismo de Lisboa, a maior feira de turismo em Portugal, dedicada à promoção de produtos identitários e experiências diferenciadoras para turistas nacionais e internacionais.

No recinto da Feira Internacional de Lisboa (FIL), onde decorreu esse certame, foi assinada a Declaração de Colaboração, no quadro da dinamização do Turismo Industrial em Portugal, entre o município sanjoanense e a Entidade Regional de Turismo Porto e Norte de Portugal.

Esse documento, assinado pelo presidente confirma o “interesse e empenho das Partes na implementação das boas práticas e critérios de conformidade associados aos serviços de Turismo Industrial, de acordo com o Guia de Boas Práticas desenvolvido pelo Grupo Dinamizador da Rede Portuguesa de Turismo Industrial”. O mesmoreafirma, igualmente, entre outros aspetos, “o empenho da Entidade Regional de Turismo e do Município de S. João da Madeira em apoiar, no que for possível, o trabalho de qualificação e promoção dos serviços de Turismo Industrial do Município”, segundo comunicado camarário enviado ao labor.

O programa municipal de Turismo Industrial de S. João da Madeira engloba, no âmbito da indústria viva, a Viarco – Fábrica Portuguesa de Lápis, Fepsa – Feltros Portugueses, Cortadoria Nacional de Pelo, Heliotextil, Bulhosas, Flexitex, Molaflex, Project ID, Belcinto, CEI – Companhia de Equipamentos Industriais, ERT – Têxtil Portugal, Mariano Shoes, Faurecia, Monte Campo, Academia de Design e Calçado, Centro Tecnológico do Calçado de Portugal e Sanjotec.

Do Turismo Industrial de S. João da Madeira, programa que celebrou o seu 10.º aniversário em janeiro deste ano, fazem ainda parte espaços municipais como o Museu da Chapelaria, o Museu do Calçado, a Torre da Oliva e a Oliva Creative Factory (onde se encontra o Centro de Arte Oliva).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...