O Departamento de Futebol de Formação da Associação Desportiva Sanjoanense viu o Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ) aprovar recentemente o seu projeto “Treinador de Bancada? Não obrigado”, inserido no Plano Nacional de Ética no Desporto. Trata-se de uma iniciativa que, segundo Élio Almeida, coordenador do futebol de formação do clube alvinegro, tem como objetivo, nas próximas duas épocas, “erradicar os encarregados de educação que insistem em dar instruções aos atletas dentro de campo, tentando sobrepor a sua vontade à do treinador”.

Obrigado pelo seu interesse no trabalho dos nossos profissionais. Poderá ter acesso à versão integral deste artigo na edição impressa ou no formato digital. Assine o labor aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...