A sala, inserida nas instalações do campo de jogos de Fundo de Vila, onde funciona a sede da coletividade com o mesmo nome foi assaltada no último fim de semana, tendo sido furtado um computador, uma impressora e um tablet.

Fernando Vultos Sequeira, presidente da coletividade, lamentou o sucedido, que descreveu como um ato de “pura maldade de alguém que não merece respeito” e que deixa o CCDR Fundo de Vila de “mãos atadas”.

Obrigado pelo seu interesse no trabalho dos nossos profissionais. Poderá ter acesso à versão integral deste artigo na edição impressa ou no formato digital. Assine o labor aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...