DR

O Centro Hospitalar de Entre Douro e Vouga (CHEDV) recebeu uma menção honrosa na categoria “Excellence Award for Green Hospitals” pelo seu projeto “Waste Reduction in Cataract Surgery” na edição de 2022 do Congresso da Federação Internacional dos Hospitais (IHF- International Hospital Federation) que decorreu no Dubai, entre os dias 9 e 11 de novembro.  A categoria em causa visa premiar hospitais e organismos de saúde cujos projetos mais se destacam a cada ano, conforme informa nota de imprensa remetida ao labor.

O mesmo comunicado adianta, ainda, que foi o Serviço de Anestesiologia do CHEDV que desenvolveu o “Waste Reduction in Cataract Surgery”, validando o contributo que o mesmo oferece para a sustentabilidade e a redução da produção de resíduos na atividade hospitalar, neste caso, na cirurgia da catarata.

Substituição de analgésico endovenoso por analgésico oral pode permitir eliminação de 13 mil toneladas de plástico no país

Este projeto demonstra que uma mudança na composição do protocolo de componentes utilizados para a realização da cirurgia, que tem por base a substituição de analgésico endovenoso por analgésico oral, permite uma diminuição de dispositivos de plástico que teriam de ser eliminados, que, aplicando-se a todas as cirurgias de catarata realizadas em Portugal, pode atingir as 13 toneladas. E, claro, esta significativa redução tem uma tradução numa equivalente redução da emissão de CO2 para a atmosfera.

O CHEDV, que já tinha sido reconhecido em 2020 com uma menção honrosa no âmbito de um projeto de intervenção social implementado para dar resposta à Covid-19, vê assim novamente distinguida a excelência do trabalho das suas equipas, neste caso, do Serviço de Anestesiologia, conforme remata a nota informativa recebida pelo nosso jornal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...